Tuesday, February 7, 2012

SAP - Jargão

Back Office – Suporte à atividade de consultoria. Normalmente ligada as atividades operacionais e logística do serviço de consultoria. Reservas de passagens aéreas e hoteis, entrega de vouchers, depósito de adiantamento de despesas ou reembolso, recebimento de comprovantes de despesas, ligações telefônicas, etc.

Especificação funcional
 – Documento elaborado pelo consultor funcional do módulo SAP detalhando o gap de processo e a sua solução através do uso de desenvolvimento ABAP ou outra tecnologia.

Especificação técnica – Documento elaborado pelo consultor sênior ou coordenador ABAP a partir dos 
requisitos da especificação funcional onde estabelece o uso de recursos e ferramentas da linguagem de programação ABAP para a codificação do desenvolvimento.

Baseline – É a solução “All in One” da SAP para o ERP voltado para corporações de médio porte.

Business Blueprint (BBP) – É o principal produto da fase II da metodologia ASAP. É um documento que contem todo o detalhamento de um processo descrevendo a situação atual, a situação futura, os impactos e desenvolvimentos ABAP identificados na análise do processo.

Business Objects (BO) – Empresa francesa adquirida pela SAP em 2007. Com a aquisição, a SAP disponibilizou uma nova ferramenta para a geração de relatórios e indicadores gerenciais. O BO é uma nova plataforma do suite da SAP e tornou-se um concorrente direto do BW – o data warehouse da SAP.

Change Request (CR) – É um “pacote” que contém parametrizações do módulo do R/3 ou um desenvolvimento ABAP. A change request guarda a parametrização feita pelo consultor no mandante de desenvolvimento “Gold” e pode ser liberada para transporte para outros mandantes e sistemas do R/3 conforme a avaliação do consultor. Ver também definição de “Sistema de transporte”

Equipe Basis – É a equipe responsável pela gestão do hardware e software para o R/3 no projeto. A equipe trabalha e zela pela disponibilidade dos ambientes do R/3 para que as equipes de módulo possam executar as atividades de projeto. O produto fundamental entregue por Basis é o ambiente de produção do R/3 com os perfis de acesso para os usuários finais.

Fábrica ABAP – Um pool de consultores programadores em ABAP 4 que atendem as demandas de desenvolvimento de um projeto, determinando o prazo, a qualidade e a entrega do desenvolvimento ABAP.

GAP - É uma expressão usada para fazer referência a situações de processo que não possuem uma solução standard no R/3. O GAP pode ser de natureza tecnológica, ou de processo ou da organização. A solução para o GAP poderá ser através de uma mudança no processo, ou desenvolvimento ABAP ou desenvolvimento de interface com o sistema especialista do cliente.

GO LIVE – É a entrada em produção do R/3 propriamente dita. A partir de uma determinada data de virada os sistemas antigos são desligados e os usuários passam a trabalhar no SAP R/3. A partir da entrada em produção é colocado a disposição dos usuários o serviço de suporte.

GO, NO GO – É uma reunião para a tomada de decisão quanto à entrada em produção do R/3. A decisão é por colocar o R/3 no “ar” como também não colocá-lo e decidir uma nova data para o GO LIVE. Esta reunião é realizada no final da fase 4 e envolve o comitê gestor, gerência do projeto e “sponsor” do projeto.

Key-user – Ou usuário-chave do módulo do R/3. São os melhores profissionais da empresa, cada um dentro da sua especialidade, escolhidos em comum acordo entre a gerência da área e os patrocinadores do projeto para serem cedidos e participarem da equipe do projeto de implantação do R/3. O Key-user é responsável por uma série de atividades dentro do projeto, entre elas, definir e validar as soluções de processo.

LSMW – Legacy System Migration Workbench – Ferramenta da SAP para geração de programas de carga de dados. Substituiu a antiga ferramenta CATT que realizava a mesma função.

Mandante do R/3 – Unidade comercial, organizacional e tecnicamente auto-contida em um Sistema SAP. Os mandantes têm os seus próprios registros mestre e conjuntos de tabelas. Os usuários devem entrar uma chave de mandante quando fazem o logon no Sistema SAP. Isto define o mandante em que eles pretendem trabalhar. Todas as entradas feitas são salvas por mandante. Processamento e analise de dados são também executados por mandante.

Metodologia ASAP – Accelerated SAP – Metodologia desenvolvida pela empresa SAP para a gestão de projetos de implantação do seu sistema de gestão integrada SAP R/3. Atualmente, com a ferramenta de gestão de projetos “Solution Manager” é possível usar a metodologia para outros projetos diferentes do projeto de implantação como Rollout de solução, atualização de versão, suporte, etc...


Nota da SAP – Nota de correção recomendada por consultor da SAP para aplicação no ambiente para sanar mau funcionamento do sistema. Normalmente é recomendada via chamado aberto na OSS ou em revisões de projeto realizadas pela SAP. Há também notas explicativas com procedimento para ativar alguma funcionalidade para sanar algum problema.

OSS – Online Service Support – Serviço de consultoria remota da SAP através da abertura de chamado pelo Solution Manager ou acesso a uma área restrita no portal de ajuda da SAP (help.sap.com). A OSS é usada exclusivamente para apontar problemas encontrados no R/3, bugs, que não sejam causados por falta de customização ou alteração abap no código de programa standard.

Parametrização – Termo usado para designar a configuração realizada pelo consultor no módulo do R/3. A parametrização corresponde a “modelagem” do módulo para atender os processos de negócio desenhados durante a fase de Business Blueprint. Outro termo muito utilizado no mercado de SAP é “customização”.

Plano de Cutover – Plano com o detalhamento de todas as atividades e o seu seqüenciamento de execução para colocar a solução desenvolvida durante a fase 3 em produção.

Perfis de acesso – São perfis de autorização criados no R/3 e atribuídos a chave de usuário de acesso ao sistema. O conjunto de perfis atribuídos à chave de usuário, normalmente, configuram uma determinada função dentro da organização. Por exemplo, usuário para executor da manutenção, usuário para o planejador da manutenção, usuário para supervisor da manutenção, usuário para gerente da manutenção e assim por diante.

Q&Adb – Questions and Answers Database. Questionário com perguntas abertas ou com opções de respostas que delimitam o escopo de um módulo SAP num projeto de implantação.

Repositório de Documentos – É um sistema com interface amigável gerenciador de um banco de dados com documentos. Permite o acesso, atualização e exibição do documento mediante o perfil de acesso. Possui funcionalidades para geração de documentos como o uso de modelos de documento. O Solution Manager da SAP é um repositório de documentos. O MDM, da consultoria Accenture, é outro exemplo de repositório de documentos.

Roadmap do projeto – Esquema gráfico que apresenta de forma simples as fases do projeto de implantação. No caso de implantação do R/3 são 5 fases no projeto.
SAP Business One (B1) – Solução desenvolvida por parceiros homologados da SAP para atender o segmento de pequenas empresas.

SAPscript – São formulários ou modelos de impressão de documentos desenvolvidos em ABAP 4 no R/3 com o objetivo de impressão. Os principais SAPscripts desenvolvidos no R/3 do cliente são a Nota Fiscal, Pedido de Compras, Reserva de material (ticket de reserva), Certificado de Qualidade, Ordem de manutenção e Ordem de Produção.

Sistema de transporte – É uma funcionalidade do R/3 que realiza o “transporte” de Change Requests de um sistema para outro, por exemplo, do sistema de desenvolvimento (DEV) para o sistema de qualidade (QAS) ou o transporte entre mandantes do mesmo sistema do R/3, exemplo, do mandante de desenvolvimento gold (DEV 200) para o mandante de teste unitário (DEV 220). O transporte no R/3 pode ocorrer de forma automática ou manual.  Após a liberação da Change Request pelo consultor, o R/3 poderá transportá-la para o sistema/mandante de destino de forma automática ou manual; esta opção é customizada pela equipe de Basis.

Solução de Backlog – Análise e desenvolvimento de solução para um problema identificado e que se encontra sem solução. Nos clientes que tem um sistema ERP implantado já alguns anos é comum encontrar uma lista de backlogs.

Solution Manager (SOLMAN) – É a ferramenta central utilizada durante todo o ciclo de vida de projetos SAP. Suporta o projeto do Business Blueprint, a realização até a entrada em produção e suporte.  Habilita acesso central a ferramentas, metodologias e conteúdos pré-configurados durante a avaliação, implementação e operação de sistemas SAP. Possui também a função de repositório de documentos do projeto.

Sponsor do projeto – É o patrocinador e responsável direto pelo projeto. Normalmente, pode ser o presidente da empresa (CEO) ou o diretor de operações ou alguém ligado diretamente ao presidente. Em projetos diferentes do projeto de implantação, o sponsor poderá ser o diretor ou superintendente da TI.


Adiantamento de despesas – Crédito em conta bancária depositado pela consultoria contratante mediante solicitação do consultor com base num planejamento de despesas para a viagem a ser realizada.

BADIs – Bussiness Add-ins. São desenvolvimentos prontos no SAP que podem ser ativados. Podem ser ativados no IMG do módulo SAP.

Diária – Valor monetário definido na política de despesas para viagens da empresa de consultoria e que é pago ao consultor quando se encontra em projeto no exterior.

No comments: